13
DE ago
DE 2014
0

Perdida – Carina Rissi

Perdida-1

Sofia é uma pessoa totalmente dependente da tecnologia. Porém um certo dia seu monstrinho, o celular no caso, decide cair na privada. É nesse momento que ela decide que ficar sem um celular é quase “suicídio social”. O que ela não podia esperar era que o mais novo monstrinho iria transformar sua vida de uma vez por todas.

Aqui está ela, em pleno século XlX, literalmente PERDIDA. Como qualquer conto de fadas aparece o príncipe para salva-la, e ampara-la. A semelhança entre a história e os contos de fadas é nítido. Eu tive uma verdadeira relação de amor e ódio com esse livro.

Não nego, tenho um certo preconceito com escritores brasileiros ( Com exceção da Paula Pimenta que ganhou meu coração haha), mas resolvi arriscar. Por que não dar uma chance a outras histórias da literatura nacional certo? Porém algo que me chateou muito na escrita é o modo desleixado como a personagem principal se pronuncia. Tudo bem que de acordo com o contexto aquela era a forma como ela deveria conversar, mas no meu modo pessoal de avaliar a escrita me irritou bastante. Claro, a história em si compensou totalmente essa questão da escrita.

E como dois imãs poderosos, seus olhos capturaram os meus , a intensidade deles fez meu coração voar. Minha cabeça girava como um liquidificador na potência máxima, e respirar se tornou impossível.

O que me encantou totalmente na história é a semelhança, em alguns momentos, com a história da cinderela. E o Ian? Aimeudeus, a todo momento ele me fez lembrar do Maxon (A seleção), preciso realmente dizer o quanto fiquei apaixonada por ele? hihihihi. É uma livro que vale a pena ler…

Perdida terá uma continuação lançada em Agosto/2014 chamada “Encontrada” porém esse é um tipo de livro que pelo final que teve, no meu ponto de vista, uma continuação seria apenas para estragar a história que tinha muito para ser linda. Portanto, para não destruir toda a minha imaginação eu me recuso a ler “Encontrada”. A Carina que me desculpe, mas eu prefiro criar em minha mente o depois do felizes para sempre.

[...] Parecia que queria me dar o mundo! Ele só não entendia que já tinha feito isso quando disse que me amava pela primeira vez.

4 estrelas